#26 - De Mal a Pior

Neste regresso do Linhas Direitas após pausa prolongada discutem-se três temas: primeiro, as eleições francesas e o embate Macron / Le Pen, depois, o debate sobre a reestruturação da dívida em Portugal e, finalmente, os primeiros cem dias da presidência Trump. Nas linhas finais, tempo para relembrar o nascimento de Timor como país independente, uma nota para o Campeonato do Mundo de Snooker e um apontamento sobre a actuação de Marcelo Rebelo de Sousa.

#25 - Freakshow

O episódio desta semana do Linhas Direitas aborda a primeira semana de Donald Trump na Presidência dos EUA, bem como uma análise da situação política portuguesa, em particular no que concerne à saúde da solução governativa. Para finalizar, alguns elogios a Portugal e uma nota especial em memória do Holocausto.

 

#24 - TSUnami

Depois de uma pausa de Inverno, o Linhas Direitas encontra-se de regresso com mais um episódio. Desta feita, discute-se o legado de Mário Soares e a questão da Taxa Social Única que tanto tem abalado o Portugal político. Para finalizar, elegem-se os factos ou personalidades do ano de 2016 que, pensa-se, mais marcarão o ano de 2017.

 

#22 - Guerras de Sucessão

No episódio do Linhas Direitas desta semana discutem-se as ondas de choque da vitória de Donald Trump nos Estados Unidos da América, o estado da economia portuguesa e o processo de eventual sucessão de Pedro Passos Coelho no PSD. Como linhas finais, aborda-se o filme O Paciente Inglês, a polémica da Caixa Geral de Depósitos e a ausência de discussão sobre o fenómeno da corrupção em Portugal.

 

#19 - E Se Roubam a Canadiana ao Coxo?

No segundo episódio da segunda temporada do Linhas Direitas analisa-se a notação da agência de rating DBRS de Portugal como estando acima de lixo, a evolução do PSOE rumo à viabilização de um Governo PP em Espanha e a polémica sobre o salário do novo Presidente da Caixa Geral de Depósitos.

Como linhas finais, comenta-se a armada russa de passagem ao largo de Portugal, a evolução liberal na Argentina e a ida de Assunção Cristas para o painel de comentadores da CMTV.

#18 - O Orçamento da Lata

No regresso do Linhas Direitas ao espaço cibernético começa-se por apresentar o novo membro do podcast, Gonçalo Cevada. Em seguida, discute-se o estado da Direita, o Orçamento de Estado para 2017 e a eleição de António Guterres para secretário-Geral da ONU.

Como linhas finais, passa-se pela base das Lajes, pelo congresso dos Conservadores britânicos e pelo início do ano lectivo.

#15 - Fandango em campo minado

Gravado em Marco de 2016

Na semana do primeiro Orçamento de Estado do resto das nossa vidas, no Linhas Direitas falamos da situação política nacionalcom uma passagem pelo congresso do CDS-PP. No final uma análise ao Brexit.

Como linhas direitas oferecemos a morte de Nicolau Breyner, o adiantamento do congresso da JSD e o fim da versao de papel do Diario Economico

#14 - Se e quando

Gravado nos idos de marco de 2016. Bom, quase pois hoje e dia 10 de Marco.

A edicao de hoje e uma edicao presidencial: analise aos 10 anos de cavaquismo presidencial e antecipacao dos proximos anos de marcelismo presidencial.

Como linhas direitas oferecemos os 95% da vitoria de Passos Coelho, a transicao no CDS e a decisao do metro de Londres de experimentar em Holborn proibir as pessoas de andar nas escadas rolantes.

#13 - U turn

Gravado em Fevereiro de 2016

 

A geringonça entrou no léxico dos portugueses e instalou-se, apresentou o OE, já lutou com Bruxelas, já emendou o OE, já lutou mais com Bruxelas, já emendou outra vez o OE, e depois fez uma errata, e depois emendou a errata.

Para segundo tema,  a direita, o CDS, passados 20 anos e um pequeno interregno castrista, vai finalmente suceder Paulo Portas, e logo por uma mulher que segundo dizem as más línguas, no fundo, no fundo... até é socialista e pouco amiga da iniciativa privada.

#12 - Mexican standoff

Gravado em Dezembro de 2015

No último episódio de 2015 e o primeiro desde que António Costa viu o seu programa de governo ser aprovado no Parlamento, o Linhas Direitas vai até França para falar das eleições regionais e volta a Portugal onde o clima de trapalhada mais parece um impasse mexicano.

No final Pedro Telles preocupa-se com o índice de transparência municipal, Nuno Lebreiro atira-se à ausência do PS da comemoração do 25 de Novembro e Afonso Vaz Pinto critica o Black Friday.

 

 

#11 - Governo de indigestao

Gravado em Novembro de 2015

Neste undécimo episódio de Linhas Direitas, falamos sobre o fim (interlúdio?) da crise política portuguesa agora que o Presidente Cavaco Silva indigitou o não-vencedor das eleições Antonio Costa para Primeiro-Ministro. Como segundo tema comentamos o estado de cerco que viveu Bruxelas esta semana.

Oferecemos como linhas direitas neste programa a demissão de Garcia Pereira do MRPP, a Volkswagen e o juiz Rui Rangel.

#10 - Sexta-Feira 13

 

Gravado em Novembro 2015

No décimo episódio do podcast Linhas Direitas conversa-se sobre os terríveis atentados terroristas em Paris. Em seguida, regressa-se a Portugal para comentar os últimos desenvolvimentos da crise política portuguesa.


Nas linhas finais, uma referência para o Jar-Jar Binks do "combate" das Estrelas, para as próximas iniciativas legislativas sobre causas fracturantes e, por fim, uma referência pouco elogiosa para com a Ana Gomes.